domingo, 17 de junho de 2012

O que você faria?




Um sábado desses, assistindo ao programa do Raul Gil (é... eu confesso, eu gosto do Raul Gil) uma brincadeira me chamou a atenção. Era um quadro novo do tipo: "se vc fosse .... o que você faria?" e entre as perguntas que fizeram ao convidado da vez - Régis Tadeu - uma chamou minha atenção: " se  você fosse Deus o que você faria?" O Régis pensou um pouco e respondeu mais ou menos assim: "se eu fosse Deus...eu destruiria esse mundo (por que não tem mais jeito) e construiria um mundo novo, sem maldade, sem coisas ruins". 

É...Régis... boa resposta. Tão boa que é exatamente o que Deus fez. 
Ele construiu um mundo perfeito, sem maldade, sem mentiras, sem miséria , sem fanáticos religiosos, sem violência....

Mas então, como chegamos aqui? 

Bem, nesse mundo perfeito Deus não quis que o homem fosse apenas um "boneco". Ele deu ao homem o direito de escolher. Escolher entre o bem e o mal. 
O problema é que para o mal, como dizia minha avó, nós temos inclinação e gosto. E nem adianta por a culpa em Adão e Eva, por que nós, cada um de nós faz essa escolha a todo instante. 
E não pense você que só escolhemos o mal quando matamos ou roubamos.
Nós escolhemos o mal quando comemos demais, quando bebemos demais, quando agimos sem responsabilidade, quando fechamos os olhos aos necessitados, quando somos invejosos, ciumentos ou rancorosos, quando mentimos... Enfim, escolhemos o mal quando nos afastamos da vontade perfeita de Deus para nós. E é a partir de cada uma dessas escolhas que moldamos o mundo criado por Deus para nós. É a partir de nossas escolhas - individuais ou não - que criamos os problemas que depois teremos que resolver.

Todos os dias, a cada instante temos o direito de escolher. Mais que um direito, é preciso escolher.
E não são raras as vezes que escolhemos o mal e não o bem. 
Uma escolha errada pode parecer inocente e que não vai prejudicar o mundo mais do que já está. Mas não se  engane: tudo que o homem semear, tambem colherá. E quem planta uma semente de laranja e colhe uma laranja só?

Cuidado com suas escolhas. Você se alimentará dos frutos delas.

2 comentários:

credulo disse...

Muito bom! Taí, gostei! Sei que vai ter muita gente que discordará, mas é um belo texto, hehe!

Diacono Sergio Christino disse...

Olá , paz. Estou passando para desejar um Feliz ano novo cheio da graça e da presença do Salvador para você e toda a sua família. Grande abraço e Feliz 2013. Diacono Sergio Christino

xxxx